dom. nov 27th, 2022

O bruxismo na infância é um problema comum que costuma desaparecer na adolescência, no entanto, a condição pode causar consequências que atrapalham a qualidade de vida da criança.

Existem movimentos do corpo humano que são feitos de maneira involuntária, ou seja, o indivíduo não tem controle sobre eles. 

Assim é o bruxismo, causado por uma desordem funcional que leva ao ato de apertar ou ranger dos dentes inconscientemente, levando ao seu desgaste. 

Nas crianças, o problema tem aumentado consideravelmente e pode estar ligado a doenças respiratórias, como sinusite e rinite, por exemplo.

Essas doenças diminuem o oxigênio do sangue e essa queda estimula substâncias neurotransmissoras que levam ao bruxismo.

Existem duas formas da doença: o bruxismo noturno, que ocorre com o ranger dos dentes durante a noite; e o bruxismo de vigília, que acontece em qualquer período do dia.

Tratamento e diagnóstico

Cada caso pede um tipo de tratamento diferente. Antes de tentar resolver, é preciso entender o que está causando a condição.

O profissional dentista é o mais indicado para identificar possíveis situações que estão levando a criança à doença, como ansiedade e estresse ou dificuldades em respirar.

Pode ser indicado visitas ao otorrinolaringologista em casos de problemas com a respiração e até mesmo o uso de placas para crianças que já trocaram os dentes de leite.

Outra forma de tratar o bruxismo é cuidando da saúde emocional dele, entendendo se a criança está passando por situações de estresse e ansiedade. Outra boa opção, é apagar as luzes e os eletrônicos na hora de dormir.

O diagnóstico costuma ser feito através de relato dos pais e da condição da criança. É importante observar se ela acorda com dores no maxilar, se existe queixa de dores de cabeça, sinais musculares, sensibilidade à palpação e até mesmo resistência ao tentar manipular a mandíbula.

Causas e prevenção do bruxismo

São diversos os fatores que podem levar uma criança ao bruxismo, como o início das aulas, a chegada de um irmãozinho, ansiedade, um dia muito agitado, mudança de rotina e a separação dos pais, por exemplo. 

Além dos problemas emocionais, a doença pode estar relacionada à condições físicas alteradas, o que ocorre nos casos de má oclusão e mordida desalinhada. 

Embora seja comum, o bruxismo pode ser prevenido através de visitas frequentes ao consultório odontológico, onde o profissional irá orientar os pais sobre fatores que podem causar a doença.

Além disso, manter uma rotina tranquila, equilibrada, sem mudanças que alterem o comportamento da criança também é uma opção.

Horários regrados para dormir, ambiente adequado e arejado, evitar atividades físicas e refeições pesadas antes de dormir são formas eficazes de prevenir a doença.

Plano odontológico, entenda as vantagens

Com um bom plano dental empresarial, tratar de problemas através das visitas frequentes ao consultório dentista é uma opção fundamental para os pais que se preocupam com a saúde dos pequenos.

O profissional é o mais indicado para orientar sobre os riscos da saúde da boca durante a infância e evitar problemas durante a vida adulta.

O plano odontológico para empresas proporciona cuidado para toda a família. Por ser mais acessível e não ter peso na folha de pagamento, é uma opção excelente tanto para empresa quanto para o funcionário.

Garante a satisfação dos colaboradores, por fazê-los se sentirem valorizados pela organização, e ter o apoio dos familiares, uma vez que, os benefícios oferecidos pelas empresas contratantes, são uma das primeiras coisas que os candidatos observam.

O plano empresarial odontológico está sendo cada vez mais implantado pelas companhias que desejam atrair os melhores talentos e manter seus colaboradores.

Outro ponto positivo é a diminuição de faltas, atrasos e até afastamentos nas empresas, já que a maioria dos casos de absenteísmo são consequências de problemas relacionados à saúde bucal.

Conheça algumas vantagens do plano dentário para mei:

  • Retenção de talentos;
  • Custo acessível;
  • Autoestima do funcionário;
  • Motivação;
  • Dedução no imposto de renda.

Estimular as visitas periódicas ao dentista através de um bom plano odontológico nas empresas, afeta significativamente o rendimento dos colaboradores, já que a saúde bucal está ligada diretamente à qualidade de vida.

Embora seja fácil implantar o serviço no pacote de benefícios oferecidos, entender como funciona o plano odontológico da empresa é essencial para saber o que melhor se encaixa na organização.

Trata-se de um serviço que permite que a empresa ofereça esse tipo de atendimento aos colaboradores.

O contratante irá arcar mensalmente com um valor onde o funcionário poderá marcar consultas com profissionais das redes credenciadas. Essa rede possui parceria com o plano contratado.

Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.