sex. jan 27th, 2023

Para você entender a diferença entre marketing direto e indireto, vamos começar entendendo o conceito de marketing.

O marketing consiste em posicionar uma oferta comercial de maneira que ela responda às necessidades do mercado, apresentá-la da melhor forma possível e comunicar para que a sua marca seja conhecida pelos seus clientes potenciais.

Portanto, envolve uma série de ações e estratégias, como estudos de mercado, buscar informações sobre seu cliente ideal, análise de posicionamento, construção de uma oferta de acordo com a análise de mercado…

Na prática, separamos o marketing em direto e indireto. Embora possa parecer um pouco confuso em um primeiro momento, não é tão complicado assim diferenciar esses dois conceitos.

Por isso, continue a leitura que vamos explicar primeiro os fundamentos dos dois termos e depois mostraremos as diferenças entre eles! 

O que é marketing direto?

O marketing direto pode ser definido, como o nome já sugere, como uma comunicação direta com os clientes potenciais para obter uma resposta imediata e criar relações a longo prazo.

Portanto, é um método que permite alcançar “diretamente” os clientes, sendo uma forma mais agressiva, digamos assim, de convencer os clientes a comprar tal ou tal produto.

Isso não significa agredir seus prospects, mas fazer prospecções diretas aos seus potenciais clientes, e é chamado de agressivo porque chega sem nenhuma demanda por parte da pessoa que recebe.

Geralmente, associamos o marketing direto à spam, campanhas de e-mail marketing, mas também o telemarketing.

E mesmo se a técnica não é muito bem recebida e até vista como negativa, permite encontrar seus clientes. 

Então, é uma estratégia destinada a segmentos de clientes potenciais e não à comunicação de massa, como a publicidade.

Basta ver o exemplo da divulgação de uma clínica de reabilitação para dependentes químicos, onde a comunicação será direcionada para um público específico, ou seja, dependentes e familiares que buscam algum tipo de tratamento.

Na verdade, é um marketing mais personalizado, cujas ações e mensagens são direcionadas de uma forma mais individual.

Hoje em dia, as redes sociais são ferramentas importantes do marketing direto, onde as publicidades seletivas são apresentadas quando os usuários navegam no Instagram ou Facebook, por exemplo.

O que é marketing indireto?

Se não há comunicação direta entre o cliente e o vendedor, isso pode ser qualificado de marketing indireto. 

Ao contrário do marketing direto, as estratégias são mais genéricas e não “personalizadas”, porém, deixam o consumidor menos pressionado, já que as ações são menos agressivas.

Esse método é orientado para mídias de massa, onde o público é gigantesco.

O marketing indireto é geralmente eficaz para lembrar aos clientes o produto ou serviço quando eles já são consumidores daquele produto ou serviço.

Um exemplo típico de marketing indireto é fora de um contexto publicitário, como em filmes, programas de televisão, jogos e eventos.

Só para você ter uma ideia melhor do marketing indireto, sabe uma atriz de novela que aparece usando uma determinada marca de shampoo? Isso é marketing indireto.

Uma outra característica é que ele é o mesmo para todos porque não leva em conta os diferentes segmentos de clientes, isto é, ele é genérico.

Qual a diferença entre marketing direto e indireto?

O marketing direto e o marketing indireto são ambos meios de comunicação com os clientes, porém, eles se diferenciam em alguns aspectos.

Objetivo

  • O marketing direto é voltado para segmentos de clientes seletivos e tem como objetivo convencer os clientes a comprar;
  • O objetivo do marketing indireto é lembrar os produtos que os clientes já conhecem, o que leva ao reconhecimento da marca.

Resposta

  • Com o marketing direto, o vendedor consegue registrar a resposta imediata do público porque ele é segmentado, já que a comunicação é direta e individual;
  • No marketing indireto, a capacidade de registrar uma resposta imediata não é possível, uma vez que é direcionado à mídias de massa, ou seja, a comunicação é a mesma para todos.

Custo

  • O marketing direto implica menos custos. Ele utiliza ferramentas como a Internet, os e-mails, comprar visualizações e interação pessoal, que são muito menos onerosas do que publicidade na TV ou jornal, e sem falar que o alcance é bem maior;
  • Já o marketing indireto utiliza as mídias de massa, como a TV, rádio e jornal para divulgar suas mensagens, que são muito mais caras.

Público-alvo

  • O marketing direto conta com um grupo selecionado de clientes, porém, sem uma análise aprofundada da sua audiência, tudo pode ser em vão. Daí a necessidade de conhecer seu público, como idade, interesses e dores;
  • Como o marketing indireto é direcionado para as mídias de massa, não existe um público-alvo na maior parte dos casos, ou seja, no meio de milhares de pessoas, você pode ter a chance de alcançar quem lhe interessa.

Conclusão

 Agora que você entendeu a diferença entre marketing direto e marketing indireto, uma boa estratégia é combinar os dois métodos.

Mas, para obter melhores resultados, lembre-se que é fundamental estudar o mercado e seu público-alvo, seja para o marketing direto quanto indireto.

O mais importante é que, ao aproveitar as vantagens de cada um, no final, é sua empresa que vai sair ganhando e melhor de tudo, vai alcançar seus potenciais clientes!