ter. abr 23rd, 2024

Cada dia mais popular, a VPN ainda carrega alguns mitos sobre o seu uso. Por isso, o ideal é sempre entender quais são eles antes de investir de vez nessa ferramenta

A chamada Virtual Private Network, popularmente conhecida como VPN, é muito utilizada no universo da tecnologia, especialmente entre aqueles que desejam aproveitar uma rede privada virtual.

Em outras palavras, a ideia é que, com a ajuda desse recurso, seja possível manter os seus dados protegidos na internet, ocultando o endereço de IP da sua máquina e criptografando os seus dados. 

Desse modo, o usuário consegue impedir que suas informações sejam obtidas por terceiros, tornando toda a navegação mais segura.

Saiba maisMineração: explorando as vantagens, desvantagens e o papel das correias transportadoras na sustentabilidade

Obviamente, a utilização desse mecanismo vem crescendo consideravelmente, com foco nos indivíduos que trabalham diretamente com o universo online.

Entretanto, ainda existem vários mitos que rondam o universo da VPN e que devem ser desvendados por quem pretende investir na tecnologia. 

Você é uma dessas pessoas? Então, basta continuar acompanhando o nosso artigo exclusivo e se aprofundar na solução. A seguir, te contamos quais são as afirmações falsas e verdadeiras a respeito do tema. Boa leitura!

A VPN é utilizada somente por quem deseja praticar algo ilegal 

Mito. Mesmo diante da sua popularização, não são raras as pessoas que acreditam que a VPN é utilizada somente por usuários que querem realizar atividades criminosas. Entretanto, essa é uma visão bastante equivocada e até limitada. 

Saiba maisCompleto sobre a juntada de petição: importância, processos e erros a evitar

Atualmente, inúmeras empresas já utilizam a VPN para oferecer muito mais segurança aos seus funcionários e, em paralelo, garantir que dados pessoais fiquem protegidos, longe das ameaças de hackers e criminosos cibernéticos. 

Inclusive, até o uso caseiro é bastante recomendado por quem deseja ampliar a proteção durante a navegação online. 

A VPN deixará a sua conexão com maior lentidão

Depende. Ao entrar em uma conexão VPN, utilizando um serviço gratuito, o usuário encontrará menos recursos para melhorar a qualidade da navegação. Consequentemente, a internet poderá, sim, apresentar lentidão. Por essa razão, a dica é sempre optar por serviços capazes de melhorar o seu desempenho. 

A VPN deixará o usuário completamente anônimo

Temos aqui mais um mito amplamente difundido a respeito do uso da VPN. Como falamos, essa ferramenta consegue manter os dados do usuário totalmente sigilosos.

Saiba maisChatbots inteligentes: como automatizar o atendimento ao cliente

Entretanto, para garantir o anonimato por completo, será preciso contar com a combinação de outras tecnologias e, inclusive, o indivíduo precisará apresentar um amplo conhecimento no setor de Tecnologia da Informação (TI). 

A seguir, listamos quais são as situações em que a VPN pode não ser suficiente para proteger a sua identidade: 

  • quando o servidor acessado estiver comprometido; 
  • quando houver malwares presentes no sistema; 
  • quando o usuário não tomar cuidado com os dados compartilhados na internet. 

Em outras palavras, para que uma pessoa ou empresa amplie a sua proteção de dados, será preciso utilizar tanto uma VPN de qualidade quanto outras ferramentas exclusivas de segurança da informação.

No caso dos ambientes profissionais, ainda será preciso construir uma política interna, com processos e ensinamentos capazes de educar os colaboradores sobre o assunto.

A VPN facilita o acesso a conteúdos específicos

Verdade. Certos sites e até plataformas de streaming disponibilizam conteúdos que, de acordo com a região do país, podem ficar restritos. Desse modo, quando acessados por meio de um servidor convencional, o usuário dificilmente conseguirá acessá-los. 

Em contrapartida, a VPN pode facilitar esse processo, afinal, com essa ferramenta o servidor não conseguirá identificar a sua localização e, consequentemente, ficará mais simples se conectar ao servidor de outra região. 

Há também quem diga que, com essa tecnologia, é possível melhorar a oferta de conteúdos oferecidos pelas plataformas de streaming. 

O motivo? Ao utilizar a VPN e alterar a sua localização digital, é provável que o serviço libere um catálogo diferenciado para o usuário e um tanto diferente daquele oferecido aos brasileiros, por exemplo.