qui. dez 1st, 2022

A falta de ar o que fazer pode ocorrer por diversos motivos, um dos mais preocupantes atualmente está relacionado a sintomas da COVID-19. Entretanto, não é somente essa a causa da falta de ar. Por isso, confira neste post o que pode levar a essa condição, doenças relacionadas e diagnóstico.

Uma condição que assusta e leva muitas pessoas a procurarem ajuda médica e clínica de recuperação é a falta de ar. Contudo, dependendo da causa, ela pode ser evitada, já que até o sedentarismo pode ocasionar a dificuldade na respiração.

Quer saber mais a respeito da  falta de ar, o que fazer, causas, sintomas e doenças que levam a esse quadro? Então, acompanhe a leitura e descubra!

O que pode levar a falta de ar?

A falta de ar o que fazer pode surgir devido a diversos fatores, alguns até emocionais, como em crises de ansiedade, por exemplo. Além de doenças, intoxicação por substâncias nocivas e, quando há falta de ar tecidual, pode ser mais grave e presente em doenças como fraqueza no músculo cardíaco e obstrução das vias aéreas.

Em casos de ansiedade, o paciente pode ter sintomas de tensão associados, mas para ter o diagnóstico e excluir outras doenças, é necessário ir ao médico, realizar exames e, se for o caso, passar pela avaliação de um psiquiatra.

A ansiedade atinge grande parte da população do país, e seus sintomas podem ser variados, como tensão, medo excessivo, tremor e até falta de ar. Por isso, é sempre recomendado o acompanhamento e diagnóstico de um médico.

Falta de ar: tabagismo

Os sintomas da falta de ar podem ser causados tanto por momentos específicos, quanto por doenças ou estilo de vida.  Pessoas fumantes, por exemplo, costumam apresentar um comprometimento na sua capacidade respiratória, após alguns anos de uso frequente dessa substância.

O câncer é um das doenças relacionadas ao tabagismo, principalmente o de pulmão. Entretanto, não é somente essa doença causada, outras também podem surgir devido ao uso frequente do cigarro, como bronquite, asma, enfisema pulmonar, entre outras.

Doenças que causam falta de ar

Algumas doenças podem causar falta de ar, por isso é necessário ficar atento a quadros frequentes ou abruptos de falta de ar.

O oxímetro é um aparelho utilizado para saber o nível de oxigenação do sangue e, abaixo de 90%, é um indício que caracteriza insuficiência respiratória na pessoa.

Doenças que podem causar falta de ar o que fazer:

  • Anemia
  • Obesidade
  • Doença pulmonar causada pela inalação de substâncias nocivas ao organismo, como o amianto
  • Hemorragia pulmonar
  • Arritmia cardíaca
  • Derrame pleural
  • Hipertensão pulmonar
  • Tamponamento cardíaco
  • Câncer pulmonar

Para casos de falta de ar o que fazer causados por sedentarismo ou ansiedade, é necessário a mudança de hábitos, como a inclusão de uma rotina de atividades físicas regulares, alimentação saudável e acompanhamento profissional.

Falta de ar o que fazer: pode ser Covid-19?

Um dos sintomas da Covid-19 é a falta de ar, porém não apenas esse, que deve ser avaliado em conjunto a outros e por meio de exame para diagnóstico, o mais utilizado é o PCR.

O exame PCR é muito utilizado no país para diagnosticar a Covid-19,  o teste consiste em utilizar um cotonete que deve ser colocado em áreas como a boca ou nariz. O exame é realizado com a secreção retirada pelo cotonete.

Depois da coleta, o exame é realizado no laboratório que verifica se há ou não a presença do vírus causador da doença.

A falta de ar causada pela Covid-19 é considerada um sintoma grave da doença, assim como dor e pressão no peito, perda de movimentos e da fala. Neste caso, um médico deve ser procurado com urgência, pois o quadro pode evoluir rápido, e para alguns pacientes pode ser necessário o uso de respirador mecânico.

O respirador mecânico é utilizado para tratamento do novo coronavírus (Sars-CoV-2), quando o paciente apresenta quadro de insuficiência respiratória.

Outros sintomas da Covid-19 que também podem estar associados a falta de ar:

 Sintomas comuns: febre, cansaço e tosse seca.

 Sintomas menos comuns: perda na cor dos dedos das mãos ou dos pés, dores e desconfortos diversos, inclusive na garganta e de cabeça, conjuntivite, diarreia perda do olfato ou do paladar, erupção na pele.

Como diagnosticar a falta de ar

A falta de ar pode ser diagnosticada pela própria pessoa que não consegue inspirar e expirar o ar normalmente. O médico, por sua vez, também pode fazer um teste físico para avaliar a condição e distúrbios pulmonares.

O médico pode ainda solicitar exames para verificar o caso de falta de ar o que fazer, como:

Eletrocardiograma (ECG) de repouso: esse exame pode ser um dos solicitados para verificar a falta de ar o que fazer. O teste é realizado com o paciente deitado e é indolor.

Teste ergométrico: exame em que o paciente deve fazer os exercícios solicitados pelo médico, sempre em uma esteira e com os equipamentos para verificar a frequência cardíaca durante o teste.

Ecocardiograma: um exame de ultrassonografia indicado para diversos diagnósticos e para verificar o fluxo sanguíneo do coração.

Radiografia do tórax: esse é um exame utilizado para verificar a capacidade de movimentação de ar nos pulmões, sendo um teste rápido e realizado em diversos locais, como pronto atendimento e hospitais.

Teste de função pulmonar: esse exame permite a avaliação completa da respiração, sendo indicado para o médico verificar o funcionamento do pulmão, bem como as suas limitações e desempenho. O teste de função pulmonar também é conhecido como sopro, prova ventilatória ou espirometria.

Tomografia computadorizada do tórax: indicado para verificar a região do peito do paciente. Com esse teste é possível avaliar toda a área do tórax, gordura, vasos sanguíneos e tecido pulmonar.

O médico que deve avaliar a situação do paciente, mediante a avaliação, teste físico, indicação de exames para realizar o diagnóstico correto e prescrever o tratamento adequado conforme o caso.

Agora que você já sabe falta de ar o que fazer, não deixe de procurar ajuda médica para avaliar seu estado de saúde, causas e tratamentos adequados para o seu caso.