qui. dez 1st, 2022

Uma das estratégias mais populares e efetivas do marketing digital são os famosos anúncios pagos. Eles que ajudam qualquer empresa a divulgar seus produtos e serviços como sua aplicação de manta asfáltica de maneira efetiva e muito mais ampla. 

Por mais que essa estratégia tenha seus benefícios, como o aumento de visibilidade, a atração de novos clientes, geração de tráfego para o seu site e o aumento da exposição da marca, muitas pessoas ainda ficam com um pé atrás em usar esse conceito. 

Afinal, será que mandar anúncios de forma direta e invadir o espaço dos usuários seja realmente a metodologia correta? Ou será que uma abordagem mais orgânica não seja o caminho correto? 

No texto de hoje iremos mostrar tudo sobre os anúncios pagos e se essa metodologia realmente vale a pena ser investida, bora conferir? Então vamos lá!

O que são os anúncios pagos?

Também conhecidos como links patrocinados, os anúncios pagos são uma estratégia comum dentro do marketing digital, que desenvolvem propagandas e impulsionam anúncios de produtos, serviços ou da própria marca para serem vistos por outras pessoas dentro dos canais digitais. 

Ou seja, uma empresa investe uma determinada quantia, para que as pessoas vejam seus produtos ou serviços em alguma mídia digital, como as redes sociais ou o Google, por exemplo. 

É como se você “comprasse” uma prioridade para que seus dados apareçam para seu público de maneira muito mais efetiva, conquistando o primeiro lugar nas plataformas de busca ou nas publicações presentes nas redes sociais. 

Se você quer que sua empresa de manutenção predial, ganhe mais visibilidade, provavelmente anunciar dentro das mídias digitais possa ser a melhor solução e mais rápida para alcançar resultados. 

Quais as suas vantagens?

Existem inúmeras vantagens de investir em anúncios pagos, a primeira que podemos ressaltar é justamente o aumento de sua visibilidade, através dos links patrocinados, é possível alcançar um número muito maior de pessoas e de maneira muito mais efetiva. 

O segundo ponto é a segmentação, com a publicidade paga, você consegue selecionar com muito mais precisão, qual o público alvo que deseja atingir, sendo bem mais assertivo e se comunicando de maneira mais eficiente com as pessoas que deseja alcançar. 

Por fim, toda essa preferência significa a obtenção de resultados mais rápidos e efetivos, possuindo uma abordagem muito mais direta, e fazendo com que você alcance aquilo que deseja de maneira mais eficiente. 

E as desvantagens?

Se por um lado os anúncios pagos estão cheios de vantagens, por outro eles possuem algumas desvantagens, a principal delas talvez seja o seu custo. 

Para que sua estratégia seja realmente efetiva, é preciso ter um profissional de marketing cuidando dela, e também, possuir recursos para construir seu investimento inicial. 

Outro ponto é não acreditar que os anúncios pagos darão respostas fora da curva, é preciso entender seus objetivos e se compactuar de acordo com seus investimentos. 

Por fim, essa metodologia nem sempre é tão aceita principalmente nas redes sociais, um anúncio mostrando projeto de instalações elétricas no meio do feed, pode ter uma recepção ruim das pessoas, então tome muito cuidado com sua abordagem e a forma como vai fazer sua publicidade paga. 

Afinal, vale a pena investir em anúncios pagos?

A grande pergunta que fica é, afinal, vale ou não a pena investir em anúncios pagos? A resposta é simples, sim, vale a pena investir, porém é preciso ter alguns pontos de atenção. 

Essa não deve ser a única estratégia da sua empresa, é preciso que ela possua um leque maior de possibilidades que variam entre o pago e o orgânico para ser efetivo. 

Também é preciso entender suas desvantagens e ir conforme a maré a ponta, a flexibilidade e a paciência são fatores cruciais para que os anúncios pagos realmente sejam efetivos dentro da sua empresa. 

Agora conte para a gente nos comentários abaixo, o que achou sobre o texto de hoje? Curtiu? Não se esqueça de compartilhar com seus amigos caso tenha gostado e até a próxima!

Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais.