ter. fev 27th, 2024

Modelo quente e frio se destaca por garantir conforto térmico e proporcionar economia

Normalmente as pessoas pensam que comprar e utilizar um ar-condicionado durante o inverno é perda de tempo e dinheiro, uma vez que as temperaturas estão mais baixas. Entretanto, pensar isso é ignorar as outras funções e vantagens que esse aparelho proporciona e que vão além do clima.

Isso sem contar a existência do ar-condicionado do modelo quente e frio, ideal para ser utilizado em qualquer época do ano. Neste texto, entenda como é o funcionamento desse modelo, quais as vantagens de usar o aparelho durante o frio e os cuidados com a manutenção. 

Ar-condicionado quente e frio e seu uso no inverno

Para entender por que é uma boa ideia utilizar o ar-condicionado durante a época mais fria do ano, vale destacar o funcionamento do modelo quente e frio. Ao contrário daqueles aparelhos que apenas esfriam o ambiente, esse é capaz de também aquecer o espaço, operando de forma inversa à convencional.

Como ele tem um sistema mais complexo, é capaz de fazer a atuação contrária ao do tipo comum. Assim, ele retira o calor da parte externa da casa para esquentar o interior, jogando o ar quente para o ambiente.

Se o clima exterior estiver muito frio, ele utiliza uma bomba de calor, presente na sua construção, para converter o ar e esquentá-lo. O resultado disso é que ele funciona de maneira bem semelhante ao tipo normal, mas necessitando de menos esforço para alcançar a temperatura desejada, já que a diferença é menor.

Por que utilizar o ar-condicionado no frio?

Mas quais são as possíveis vantagens de utilizar esse aparelho durante o clima frio? Existem algumas delas que precisam ser levadas em conta pelos moradores da casa. Confira.

Conforto térmico

Assim como no caso dos modelos comuns, a grande vantagem do ar-condicionado quente e frio é garantir conforto térmico aos moradores. Não é necessário mais sentir frio em casa e nem mesmo sofrer com mudanças climáticas que podem ocorrer em um único dia, já que a temperatura do interior estará constante e climatizada.

Saúde do ambiente

Quando se pensa no ar-condicionado, muita gente acha que ele serve apenas para aumentar ou diminuir a temperatura de um ambiente. Porém, ele proporciona ainda mais benefícios para os seus usuários, já que conta com outras funções valiosas. Uma delas é a filtragem de ar, retirando as impurezas e, com isso, garantindo mais saúde para os moradores.

Inclusive, existem modelos que também são capazes de eliminar bactérias e vírus presentes no ambiente. A grande vantagem disso é a diminuição dos riscos da proliferação de doenças causadas por esses microrganismos, sobretudo as doenças respiratórias, mais comuns nessa época do ano.

Função sleep

A função sleep é fundamental para garantir o conforto também durante o sono. Ao programá-la, é possível deixá-lo funcionando de forma constante e leve, controlando a temperatura sem grande gasto de energia. O melhor de tudo é que é possível programar uma temperatura ideal e amena, como 23 ºC, para dormir sem precisar do uso de cobertores.

Economia

O uso do modo sleep é uma ótima maneira de conseguir economia de gastos, pois a função evita mudanças de temperatura que causam maior consumo de energia. Porém, o modo aquecedor, presente nos modelos quente e frio, também se destaca por ter um desempenho energético semelhante ao dos modelos tradicionais.

Ou seja: não se gasta a mais para usufruir desse modelo em casa. Pelo contrário: a economia acontece na hora da compra, já que optar por ele dispensa a necessidade de ter um aquecedor.

Manutenção

Para aproveitar o ar-condicionado sem preocupações, é importante saber fazer a manutenção correta do aparelho. A durabilidade e os benefícios desse modelo dependem de manutenção regular, além de ser uma forma de melhorar o rendimento do aparelho e diminuir o consumo de energia.

Se a manutenção não ocorrer, há acúmulo de sujeira. Como resultado, a qualidade do ar interno vai diminuir, assim como a ventilação dos ambientes, tornando-os muito mais desconfortáveis. Também há prejuízo no bolso, havendo o aumento do consumo de energia.

Recomenda-se consultar o manual do produto para conhecer a frequência de limpeza do equipamento. Porém, a cada 30 dias, pode ser feita uma higienização simples, utilizando pano macio e seco para limpar o painel frontal. Aproveite para retirar o filtro, que deve ser lavado utilizando água corrente, fria ou morna.

Já uma limpeza mais minuciosa também precisa acontecer, geralmente a cada seis meses. Para isso, o melhor é chamar um técnico especializado, que fará a higienização de partes como turbina, serpentina, bandeja do condensador, entre outras.