qui. dez 1st, 2022

Saiba como esse tipo de alimentação ajuda você no ganho de massa muscular

Quem deseja seguir uma rotina de alimentação mais saudável, precisa apostar nas proteínas. Elas possuem diversas funções que permitem a formação de partes importantes do corpo, como os cabelos, a pele, as unhas e até os ossos e músculos.

Por serem tão importantes e ajudarem a construir e reparar diversas partes do nosso organismo, é comum ver elas sendo fortemente citadas em dietas por nutricionistas, ou utilizadas em sucos funcionais que visam repor as proteínas do corpo.

Mas para quem realmente quer adicionar mais proteína na sua alimentação, pode optar por uma dieta hiperproteica, que foca nos alimentos que contêm este importante nutriente.

O que é uma alimentação hiperproteica?

Seguir uma dieta hiperproteica significa adicionar na sua alimentação comidas ricas em proteínas, como carnes, laticínios e verduras. A principal função desse tipo de dieta é provocar o fortalecimento muscular a partir da construção de novos tecidos e células.

Na alimentação hiperproteica, o consumo de carboidratos, como doces, frutas e massas brancas são retirados da dieta, pois eles provocam o aumento de peso, afetando assim o fortalecimento muscular.

É importante ressaltar que, para implantar uma dieta hiperproteica, é necessário o acompanhamento de um nutricionista. Esse profissional irá conciliar a quantidade de proteína que o seu corpo necessita para você ter uma alimentação balanceada.

Sem esse parecer, a pessoa pode correr o risco de ingerir mais proteínas do que necessita, o que pode afetar o seu organismo e aumentar o risco de desenvolver pedra nos rins, aumentar o peso, desenvolver problemas no fígado ou doenças cardiovasculares.

Por isso, é importante realizar a consulta com um profissional para implementar uma alimentação hiperproteica que seja benéfica para o seu corpo.

Quais as suas vantagens?

Com um maior consumo de proteínas no lugar dos carboidratos, seu organismo começa a funcionar de maneira mais saudável, melhorando a sua energia no dia a dia e evitando o desenvolvimento de doenças.

A seguir, listamos os quatro principais benefícios que uma alimentação do tipo hiperproteica consegue oferecer ao seu corpo!

Ganho de massa muscular

A principal vantagem de uma dieta hiperproteica está no ganho de massa muscular, proporcionado pela função de construção de tecidos que os alimentos ricos em proteínas possuem. Se combinar essa alimentação com exercícios físicos, como a prática da musculação, é possível ganhar massa muscular de modo a deixar seu corpo mais ativo e funcional.

Mais saciedade

Outro grande benefício é que alimentos ricos em proteínas ajudam a deixar você mais saciado, evitando possíveis beliscadas entre as refeições. Isso é possível devido à demora em que as proteínas são digeridas pelo nosso organismo, fazendo com que o você não sinta fome tão rapidamente.

Previne a sarcopenia

A sarcopenia é uma condição física onde o corpo começa a perder massa muscular. Isso é muito comum depois dos 50 anos, pois a partir dessa idade as nossas fibras musculares começam a reduzir. Optar por uma dieta hiperproteica pode ajudar a evitar essa condição e estimular o ganho de massa corporal.

Melhora a imunidade

Se você sofre com uma imunidade baixa que faz com que qualquer gripe ou resfriado consiga derrubar você, pode ser que uma dieta hiperproteica ajude você a sair desse cenário. As proteínas ajudam a fortalecer o nosso sistema imunológico, garantindo assim uma melhora na imunidade.

Quais cuidados você deve tomar?

O primeiro cuidado é se consultar com um nutricionista que consiga montar uma dieta hiperproteica adequada para o seu tipo corporal. Visto que ingerir uma quantidade maior ou menor de proteínas é algo que pode trazer diversos danos ao corpo.

Também é importante manter uma prática constante de exercícios físicos durante a dieta. Alguns benefícios que ela oferece, como o ganho de massa muscular, só ocorrem quando seu corpo está em movimento.

Além disso, como esse tipo de alimentação traz o consumo de mais proteínas, a falta de atividade física pode causar o efeito contrário e fazer com que você ganhe peso ao invés de fortalecer seus músculos.

Para realizar a prática de exercícios físicos, o ideal é procurar um profissional que consiga montar um treino para você que considere possíveis limitações físicas e sua experiência com a prática de exercícios. Assim, você conseguirá fazer os treinos na medida certa para se beneficiar da alimentação hiperproteica.