qui. fev 22nd, 2024

O vôlei de quadra e o vôlei de areia possuem as mesmas regras, porém têm benefícios diferentes

Um dos esportes que anda ganhando espaço em território nacional é o vôlei. Com duas modalidades, sendo elas o vôlei de praia e o de quadra, muitas dúvidas sobre suas principais diferenças e benefícios surgem na mente do brasileiro que busca começar a praticar o esporte.

Será que a bola de vôlei usada em cada uma das opções são diferentes? Seus benefícios para nosso corpo são os mesmos, ou a única diferença é o ambiente onde ele é praticado? Para saber todas essas informações, basta prosseguir com a leitura, onde todas as dúvidas sobre as principais diferenças entre o vôlei de praia e o de quadra serão respondidas.

Entendendo os benefícios do vôlei

A prática do voleibol traz muitos benefícios, e com a premissa que esse esporte é indicado para todas as idades, é o segundo esporte mais praticado em solo brasileiro.

Conhecer seus benefícios é algo extremamente significativo. Graças ao seu estilo de jogo, o voleibol consegue ajudar na circulação do corpo, sendo então um esporte indicado a ser praticado por pessoas que possuem o problema de pressão alta e sobrepeso. 

Também existem informações que falam que a prática recorrente do voleibol, consegue ajudar no alívio de estresse, aumento de flexibilidade e auxílio na perda de peso. Sabendo desses detalhes, podemos dizer que a prática das duas modalidades do esporte tem suas diferenças, já que o esporte praticado na areia consegue ser mais pesado que o praticado na quadra, graças ao seu local.

Vôlei de praia e de quadra possuem diferenças?

A resposta para essa questão “milenar” que assola muitos brasileiros é sim! Eles possuem diferenças. É importante especificar quais são elas, já que o princípio das duas modalidades de vôlei é o mesmo, no caso, conseguir passar a bola sobre a rede e acertar o campo do time adversário. Mas, neste processo, as duas formas de vôlei possuem distinções importantes, e é isso que será possível ver a seguir.

Equipamentos

A primeira diferença são os equipamentos de proteção utilizados em cada uma das modalidades. Enquanto a modalidade de vôlei de praia exige o famoso protetor solar, e roupas de praia, a outra modalidade precisa de protetores para ser praticada em uma quadra, em que o solo é sólido, diferente do esporte praticado na areia.

Lembrar de se atentar aos equipamentos de proteção em ambos os esportes é algo extremamente importante e que não pode ser deixado de lado. Mesmo um estilo exigindo roupas mais curtas, joelheira, protetor de antebraço e a famosa luva para a prática de voleibol são itens indispensáveis para ambas as modalidades.

Quantidade de jogadores

O segundo item que difere bastante os dois modelos de jogos é a quantidade de jogadores. O vôlei de quadra exige 12 jogadores no total, sendo seis titulares que ficam no campo, e o restante como atletas reservas. Já na questão do vôlei de praia, apenas dois jogadores são suficientes para colocar o esporte em prática.

Essa diferença gritante de quantidade de jogadores exigidos para cada modalidade de jogo se dá ao espaço de campo que cada estilo exige. Afinal, pelas regras da FIVB, o vôlei de quadra necessita ter 18 m x 9 m, enquanto a quadra do vôlei de areia possui apenas seus 16 x 8 metros de campo.

Pontuação

Outra diferença gritante que os praticantes de vôlei de ambas modalidades enxergam é a pontuação. No vôlei de areia, ou melhor dizendo, de praia, acontecem 2 sets de 21 pontos, e caso ocorra o empate, o terceiro set acaba tendo 15 pontos.

Enquanto no esporte de quadra a quantidade de sets duplica, indo para 44, e o quinto set, caso ocorra o empate, vai até os 15 pontos. Para que o set seja finalizado, é preciso que a equipe vencedora atinja dois pontos de diferença da outra equipe.